← voltar à página anterior

Aluno Caio prega para professora em oração na sala de aula e Deus a liberta de sua prova

Nesta época, antes do início da aula, a professora fazia uma reza com todos os alunos, então, professora convidou os alunos para rezarem e um dos alunos, Caio, disse a professora que não rezava, mas sim que orava. Então, a professora pensou alguns segundos e falou para todos os alunos que sendo assim, todos iriam rezar e quando terminassem o Caio iria fazer a sua oração. Após os alunos terminarem a reza, o menino colocou as mãos sobre o rosto, se inclinou em sua carteira e iniciou a sua oração. O Senhor tomou essa criança em oração e revelou toda a necessidade da professora, pois, o seu esposo estava abandonando o lar e não queria mais viver ao seu lado, deixando-a em grande desespero e sem alegria de viver. E na oração, além desta revelação, o Senhor falava que era para ela se humilhar, procurar o seu esposo, pedir perdão, pois, se ela assim o fizesse, o Senhor entraria em sua casa, expulsaria o espírito de separação e faria uma obra com o seu esposo, não permitindo a sua partida. Colocaria paz dentro de seu lar como nunca houve e que o seu casamento seria de felicidade. Após a oração, foi dada continuidade à aula, mas, em nenhum momento os alunos desta sala o desrespeitaram por ser crente e pelo que tinha ocorrido. Após o término da aula, a professora disse ao menino que o levaria para casa, para que pudesse conversar com ele, mas o mesmo respondeu à professora que o seu irmão todos os dias o esperava em frente à escola para levá-lo e assim foi feito. Passando-se alguns dias, houve uma reunião de pais e mestres na escola, onde a mãe do Caio se fez presente. Quando ela chegou, a professora perguntou se era mãe do Caio, pois, tinha um assunto particular para conversar ao término da reunião. Neste intervalo de tempo, sua esposa ficou muito preocupada, questionando que assunto seria este, se o Caio teria feito algo errado. Quando a reunião acabou, conversando com a mãe da criança perguntou inicialmente onde ela servia a Deus e ela lhe relatou que servia a Deus na Congregação Cristã no Brasil. A professora então relatou tudo o que tinha ocorrido naquele dia em sala, que ela tinha chorado muito naquela oração, que nunca tinha visto uma criança inocente, sem experiência nenhuma falar com tanta clareza, tendo certeza que foi Deus que falou em sua boca. Chegando em sua casa, ela procurou o seu esposo aos prantos, abraçou-o fortemente e lhe pediu perdão. Assim se perdoaram conforme Deus lhe tinha falado e a sua casa ficou em paz. Passaram-se os anos e a nosso irmão encontrou-se com esta professora e ela confirmou que até àquela data a sua casa está em paz, o seu casamento está bem e que nunca mais nem se falou em separação em sua residência por que Deus entrou com paz em seu lar.

FONTE: www.cristanobrasil.com